Contra Ponto

A HIPOCRISIA DE CAIADO

O governador de Goiás, Ronaldo Caiado (DEM), parece não ter limites quando o assunto é a hipocrisia. Na campanha passada, ele fez questão de ser fotografado limpando a calçada de um estabelecimento. Agora, sem o menor constrangimento e fazendo chacota com a cara do servidor público, que está com o salário de dezembro sem receber, Caiado diz que abrirá mão de seu salário enquanto não resolver esta situação. O governador só esquece que ele sim pode ficar sem o seu salário, uma vez que deve ter um pomposo patrimônio, pois ele passou quase 30 anos recebendo um ótimo salário de deputado e por último de senador.

TUCANOS TAMBÉM TÊM CULPA NO CARTÓRIO

Vamos ser justos. O que tem de políticos pegando carona na triste situação envolvendo os servidores públicos do Estado não é brincadeira. A deputada Leda Borges (PSDB), por exemplo, ao invés de ficar só atacando o governador, deveria também criticar a situação em que o ex-governador Marconi Perillo deixou o Estado, como por exemplo, as inúmeras obras inacabadas, principalmente na Região Metropolitana do Distrito Federal.

E NA CIDADE OCIDENTAL, O PT É SITUAÇÃO OU OPOSIÇÃO?

O PT de Cidade Ocidental precisa decidir se é ou não oposição ao governo Fábio Correa (PSDB). E quem vem sendo pressionada quanto a isso é a vereadora Kedma Karen. O comportamento da parlamentar vem sendo criticado pelos correligionários, pois eles alegam que o discurso oposicionista tem ficado apenas na teoria. Em sua defesa ela diz que vota não em defesa do prefeito ou contra, mas sempre em favor dos munícipes. A questão é que se falando de PT, ou é ou não é oposição. Definição, segundo o presidente do Partido, Robson Medeiros será na quarta-feira, 13. Ser ou não oposição? Eis a questão…

RODOLFO VALENTE E A MÁGOA POR NÃO TER SIDO PRESIDENTE

A vontade louca em presidir o Poder Legislativo fez de Rodolfo Valente (PSD) um fiel aliado do prefeito Fábio Correa. Foram dois anos de pura rasgação de seda, daquelas de dá inveja aos mais fieis bajuladores. Competente, trabalhador, honesto, estes e outros adjetivos fizeram parte do vocabulário de Rodolfo e eram direcionados ao prefeito municipal. Depois de não obter sucesso e não conseguir se eleger presidente da Câmara Municipal, Rodolfo Valente fez biquinho e ficou de mal do prefeito Fábio Correa. De bajulador, Rodolfo passou a ser oposicionista. Fábio, que tantos elogios recebeu de Rodolfo, passou a ser atacado. O vereador só esqueceu que o povo é sábio e sabe que por trás disso tudo existe muita hipocrisia.

ALIADOS DE ANTÔNIO LIMA E MARCOS MAIA REJEITAM RODOLFO

A classe política já sabe que um dos motivos de Rodolfo Valente ter se declarado oposição ao prefeito Fábio Correa foi a esperança dele conseguir alguma vaga no governo Ronaldo Caiado. Acontece que todos sabem que quem dará as cartas em nome do governador aqui na cidade serão o ex-prefeito Antônio Lima e o vereador Marcos Maia. E boa parte dos aliados de Antônio Lima e de Marcos Maia rejeitam Rodolfo Valente. O próprio DEMOCRATAS, partido do ex-prefeito e do governador, já foi traído pelo vereador, hoje, oposicionista.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *